19 de Junho de 2021
Ribeirão Preto - SP
A Última Estação
A Última Estação
Registro - SP Registro - SP
Marco antonio Gomes da Costa
Renata barboza
Felipe Carvalho
Thuany Engle Garcia de Oliveira Rodrigues
Marilia
Erika Soares Calandriello
Kherolay Oeloa Dias
Rayan hissao
VICTOR FUJII YAGYU
Fabiana Rodrigues de Andrade Araujo
EMANUELLY MARTINS
Vinicyus Tamada
Alexandre Pereira Lopes
CLEVERSON GUILGER FILHO
Alexandre da Silva Mateus
Bruno Kuno Hase
Raphael Proieti Paulino
Maycon Henrique Feitas
Héverllyn Cunha
Amanda Caroline Dias Ramos
Ana Paula Gil Barbosa
Vanda de Paula
alvaro
fabiano aparecido teixeira
Renata
Elaine Rodrigues Mezzarana
Carolina Saes Madeira
Leticia Oliveira Silva
Adriana Sardinha Almeida
Tatiane Lucia Soares Silva
Laércio Siles Barduco
Rennan trigo rosas
RENATO AKIRA TAMURA
JULIE MORAES SILVA
renata
Paula  Angelina Mamede Espin
Danilo Lorena
Anaí correia soares Oshiro
Julliany
Rita de Cássia Lopes
Gabriela de lima mendonca
Valdemir de oliveira marcos
Nelson Rodrigues
Gustavo Batista
Marilisa lopes
Diego Sousa
DOUGLAS JEFFERSON OLIVEIRA
Luis Vitor Muniz Fernandes
Cristiano José Martins de Oliveira
Juliana
André Geronimo Kobata
Tiago ferreira de souza
Agatha Valdoski
Nathalia Damiano Jorge
Arenildo dos Santos Morais
Fabiana Espinhel
Fabiano Oliveira
Amanda Talib de Castro
Jack Maddux
Danilo Marcondes
Patricia Cardoso
João Carlos Lopes
Flavia franco
Bruno França

A Última Estação

Biografia

Em Janeiro de 2017, formada por cinco músicos, A Última Estação surge no Vale do Ribeira rimando a riqueza cultural a realidade de um povo, explorando ritmos como o RAP, Hip Hop, Rock n’ Roll, Funk, Soul, Reggae. A partir desta identidade, amplia- se o leque de composições do Jota MC sobre a realidade da juventude em geral, suas angústias, frustrações, realizações e alegrias. Desde então vem se destacando no cenário autoral, apresentando-se em grandes eventos tais como: Virada Cultural Paulista, Feeling Music Bar – São Paulo/SP, Abertura Show Emicida, Shows em unidades do SESC, participação no Palco Rocklounge na Expomusic 2017, eleito por votação popular, além dos diversos shows realizados nas cidades do entorno.
A partir de 2019, com nova formação, a banda pretende consolidar o tão esperado EP com as autorais produzidas até hoje e ampliar as apresentações para além do Vale do Ribeira e estado de São Paulo, produzindo, tocando e trocando conhecimentos e vivências com todo o Brasil.
A inspiração para o nome da banda veio do Bairro Estação da cidade de Juquiá, construído ao redor de uma estação de trem desativada em 1977, resultando no isolamento e queda brusca do desenvolvimento do município. Queremos, através da música, auxiliar no processo de quebra dos estigmas que nosso Vale carrega durante tantos anos e valorizar aquilo que temos de melhor: nossa diversidade cultural e ambiental, bem como nosso potencial humano nas mais diversas áreas.

Comentários