15 de Junho de 2019
Ribeirão Preto - SP

Blog

Rock Psicodélico

Rock Psicodélico

Psicodelia e muito Rock n’Roll

O Rock Psicodélico teve seu início no meio dos anos 60, em Cambridge na Inglaterra. Com instrumentos típicos das bandas clássicas de Rock, o estilo tinha o uso frequente de teclados e instrumentos exóticos, como o sitar e o tabla das músicas indianas. O rock psicodélico tentava replicar os efeitos e realçar a experiência de mente alterada dos alucinógenos, tendo em suas características novos efeitos eletrônicos, solos estendidos e improvisação.


Grupos pioneiros como The Yardbirds, The Beatles, Pink Floyd, The Beach Boys e Cream embarcaram nesse estilo tão diferente para época e, entre os anos de 67 a 69, o gênero atingia seu auge com o Verão do Amor e o Festival de Woodstock, grandes movimentos sociais.

The Yardibirds – For your love (1965):

The Beatles – Revolver (1966) – Álbum Completo

Pink Floyd – The Piper at the Gates of Dawn (1967) – Álbum Completo

The Beach Boys – Wild Honey (1967):

Cream – Disraeli Gears(1967) – Álbum Completo:

E como não lembrar de Jimi Hendrix e The Doors?

Jimi Hendrix – Voodoo Child (Ao Vivo 1969):

The Doors – The Doors (1967) – Álbum Completo

No Brasil, a grande banda pioneira do Rock Psicodélico foi Os Mutantes. Com uma pegada bem próxima aos gringos mas dando um toque brasileiro, a banda ficou conhecida internacionalmente e é reverenciada por muitos até hoje.

Os Mutantes - Panis et circenses (Live French TV - 1969)

No fim da década de 70, o estilo perdeu força para o Rock Progressivo e o Electro-Pop. O Rock Psicodélico foi uma porta de entrada para o Rock, de um modo geral, no Brasil. Não é a toa que, até hoje, é um dos estilos mais adorados pelos amantes do Rock.

Comentários